Indicado pela minha amiga Zilda do Blog Somos todos aprendizes

Trajetos De Uma Estrada

Trajetos De Uma Estrada
Esse é o meu primeiro livro (Trajetos De Uma Estrada)

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A vida anda assim

Ver, não querer parar
Adequar-se, sentir, segurar,
tirar proveito, de tropeços sofridos.
Aprender, lapidar, perceber, calejar.
Coração endurecer, dizer a verdade
mesmo doída.
Amar, fixar sentimento, momento,
acento do rumo o sumo apego,
Manter segredo, outrora expressar.
Seguir, rezar, para um Deus maior,
os amigo de cor,
no fundo da mente.
Após usar como aprendizado,
os momentos ruins.
Apagar assim, como um quadro negro,
afixar o sossego no fundo do peito,
estabilizar esse jeito,
a vida anda assim.


Mariano P. Sousa

5 comentários:

Jacque disse...

Eu estou oferecendo meu cartãozinho de Natal, no meu Blog AGUA DE ROSAS, apareça...
http://aguaderosas-jacque.blogspot.com/

alfa disse...

A vida andar realmente assim...sem dúvida,bonito poema
bjs voltarei

Mariano P. Sousa disse...

Alfa !
Obrigadão pela visita.
Jacque!
Passarei lá sim.
beijos!

Mariana disse...

A vida anda, e seguir em frente é a nossa missão para tirar proveito de tudo para sermos melhor cada vez mais.
Meu amigo, meu xará querido, obrigada pela visita sempre tão calorosa.
Sejas feliz.
Deus ilumine o teu lar

Daniele Barizon disse...

Mariano, meu amiGO,

Que vc e sua tenham um natal repleto de paz e alegria, e um ano novo de muitas realizações! Que venha 2011, e que seja O MÁXIMO!!

Bjs!!